Tecnologia do Blogger.
RSS

*DEUSA*


Hoje, ao entardecer,
as nuvens traziam em suas bordas
a mais bela silhueta avermelhada
traçando o perfil de uma mulher.

Hoje, ao adormecer,
pensei ter ouvido o som
de uma voz macia, que a muitos
anos me fazia dormir.

Acordei chorando, e você ao lado
de minha cama tentando me acalentar.

Mulher, maior que a silhueta deixada
no céu, mais bela que o pôr do sol.

Mulher Mãe.

"A Cortina do Sol, de Fábio Rachid, p.15"

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 poemas:

Cadinho RoCo disse...

Que poema delicioso!
Cadinho RoCo

Anita disse...

Amiga desculpa a ausência estes dias mas tive famili aqui por casa durante a Páscoa o tempo para vir ao computador foi quase nenhum.
Passo para deixar muitos beijinhos e desjar um dia maravilhoso.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Ana Maria, belo poema...Espectacular....
Beijos

Daniel Savio disse...

Mas esta mulher também é uma mulher companheira...

Fique com Deus, menina Ana Maria.
Um abraço.

Ocorreu um erro neste gadget