Tecnologia do Blogger.
RSS

*DEIXA EU TE AMAR*


Quero ir na fonte do teu ser
E banhar-me na tua pureza
Guardar em pote gotas de felicidade
Matar saudade que ainda existe em mim
Afagar teus cabelos molhados
Pelo orvalho que a natureza rega
Com a sutileza que lhe fez a perfeição
Deixando a certeza de amor no coração
Deixa eu te amar
Faz de conta que eu sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar
Eu quero estar o tempo inteiro
Quero saciar a minha sede
No desejo da paixão que me alucina
Vou me embrenhar nessa mata só porque
Existe uma cascata que tem água cristalina
Aí então vou te amar com sede
Na relva, na rede, onde você quiser
Quero te pegar no colo
Te deitar no solo e te fazer mulher
Deixa eu te amar
Faz de conta que eu sou o primeiro
Na beleza desse teu olhar.

"Agepê/Ismael Camillo/Mauro Silva"

*DICA DAQUI, Ó!*

Para descongelar rapidamente a geladeira, desligue
a tomada ou o termostato. Numa das prateleiras,
coloque uma vasilha de água quente, feche a porta
e aguarde um pouco.
"Jornal DAQUI"

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 poemas:

FOTOS-SUSY disse...

OLA ANA MARIA, FASCINANTE POEMA DE AMOR E PAIXAO, ADOREI!!!
UM FELIZ DIA,
BEIJOS DE CARINHO!!!


SUSY

Daniel Savio disse...

Não sei se dá para fingir que fui o único de quem eu amo, mas posso ser o único amor dela...

Fique com Deus, menina Ana Maria.
Um abraço.

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA ANA MARIA, MARAVILHOSO POEMA, AMIGA DO MEU CORAÇÃO... OBRIGADA PELA TUA PREOCUPAÇÃO COMIGO... ADORO-TE AMIGA!!!
FERNANDINHA

Delfim Peixoto disse...

Convido a inscrever-se em http://arteseculturas3.ning.com/

Ocorreu um erro neste gadget