Tecnologia do Blogger.
RSS

*BRINQUEDO QUEBRADO*


bebes - Recados Para Orkut


Você viu e sentiu tantas vezes
a felicidade daquela criança que brincava.
_ Tão a sério! _ com o seu brinquedo!...
Era brinquedo para você.
Para ela, era a sua própria vida!

Como ela se transfigurava
quando estava de posse daquele brinquedo!
Daquele brinquedo que a transportava
para um mundo de felicidade
que você talvez não percebesse.

A chuva caía a seu lado,
mas havia manhã de primavera
na sua alma infantil!
O rumor das coisas e dos acontecimentos
não conseguia abafar
as palavras de amor
que ela dizia, enlevada, ao seu brinquedo.

E você (inconsciente? Consciente?)
quebrou o brinquedo daquela criança!
Matou-lhe a alegria de viver.
Tirou-a do mundo da fantasia,
onde só há pássaros e flores,
descantes e sinfonias,
paisagens verdes e nuvens coloridas...

E levou-a para o mundo da realidade,
para o mundo dos dias e das noites,
da primavera e do inverno,
das alvoradas e dos crepúsculos,
da brisa e da ventania,
dos mares serenos e das vagas revoltas,
do sorriso e das lágrimas,
da vida misturada com a morte...

Mas você não deve ter culpa!
_ Você não devia saber
que o maior pecado deste mundo
é quebrar o brinquedo de uma criança!

"Livro: Vida, Amor e Juventude, de
Euclides Carneiro da Silva, p. 12"

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 poemas:

Magnun disse...

Ana Maria, esse brinquedo tem alguma coisa em comum comigo.
eu tambem estou quebrado.
Magnun

Andreia do Flautim disse...

Já chegou Sexta. Bom fim-de-semana!

Tetê disse...

Que texto lindo e profundamente reflexivo! Obrigada pela visita ao Tempo de Celebrar! Já está atualizado! Bjks e bom final de semana!

Daniel Savio disse...

Somos todos o brinquedo de alguém...

E o pior que tornamos os outros nossos brinquedos.

Fique com Deus, menina Ana Maria.
Um abraço.

Ocorreu um erro neste gadget