Tecnologia do Blogger.
RSS

*1-QUERIDO, QUERIDA...* *2-DICAS: VALE A PENA SABER SOBRE GAGUEIRA*


*QUERIDO, QUERIDA...*

Querer bem
Um encanto de homem
Estimado querer
Romancismo
Índole romântica
Dono do meu coração
Óbvio companheiro.

Querida, meu
Universo
Esplendoroso
Raios luminosos
IARA, mãe-d'água
Dominadora do
Amor.

***Ana Maria Gonçalves***
(Imagem da net)

*DICAS: VALE A PENA SABER
SOBRE GAGUEIRA*

-A gagueira é um problema plural. Há gagueiras diferentes.
Daí a disparidade de resultados quando se quer usar a mesma
técnica para todos os casos.
-Para gaguejar é preciso o outro, o interlocutor. Sozinho
no quarto quase ninguém gagueja.

-Por volta dos 4 anos pode aparecer uma gagueira normal, que
é chamada de gagueira fisiológica. Nessa fase, se você chamar
a atenção de seu filho, ele vai fixar a gagueira, transformando-a
em estável, quando ela era apenas transitória.

-Pode-se discutir muitas causas da gagueira, mas a questão
emocional é primordial, prevalece. Isso não quer dizer que
uma série de sintomas secundários não devem ser tratados.

-Há fases críticas da gagueira: a fase da gagueira fisiológica;
a entrada para a escola, quando amplia-se a socialização; a
puberdade; nas mudanças bruscas de ambiente.

-Muitos pais desenvolvem um sentimento de culpa diante da
gagueira do filho, especialmente se eles são ou foram
gagos. Essa culpa não tem sentido.

(Do livro: COMO TRATAR A GAGUEIRA
-PREVENIR, MINORAR E CURAR)
AUTOR: Pedro Bloch
"O Dr Pedro Bloch fundou a Sociedade Brasileira de Foniatria
e Logopedia. Trabalhou no National Hospital for Speech
Disorders, de Nova Iorque. É autor de um grande número de
trabalhos científicos e de divulgação sobre voz, fala,
linguagem e audição."
(Imagem da net)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

3 poemas:

HSLO disse...

Amei a dica de hoje...super didática.

abraços

Hugo

Margarida disse...

Oi Ana!
Minha única irmã que faleceu 6 anos atrás aos 47 anos de acidente era gaga. Mas na escola fazia leitura como ninguém. Talvez isso acontecia porque ela agia como se estivee lendo só para si. Tem coisas que mesmo a ciência explicando acho incrível.
bj

Daniel Savio disse...

Menina, ele é uma parte do teu universo, mas você também é uma parte importante deste universo...

Fique com Deus, menina Ana Maria.
Um abraço.

Ocorreu um erro neste gadget